sexta-feira, 22 de outubro de 2010

TIAGO SCHMIDT E AS LOUCURAS

A anunciada obrigatoriedade de pagar 350 mil euros mais juros ao Avaí (se é que se confirma...) por causa do guarda-redes Thiago Schmidt, que nunca actuou sequer um minuto, apesar das muitas viagens de observação de que foi alvo, merece uns comentários desalinhados com a conversa habitual.

Foram as loucuras, as megalomanias?! Foram loucuras, sim, ou talvez pior; contudo, megalomanias, não foram! Poder-se-ia falar disso (megalomanias) se tivéssemos ido buscar grandes craques, gastando muito (excessivo) dinheiro? Mas...quais foram esses craques nos quais nunca reparei? Temos que falar bem disto, porque se quer transmitir a ideia de que o mal foi ter havido ambição para o clube. Não concordo; o mal, foi haver outras ambições - pessoais!

Nós começámos a ficar com os cabelos em pé, quando toda a gente (a)clamava que o Jorge Jesus (um bom treinador mas não um semi-deus, já para não entrar em questões humanas) ia buscar calhaus e os transformava em diamantes. Erro fatal, que facilitou o caminho para os vários Thiagos Schmidts. Também tivémos culpa!

Vamos entender-nos:

Não fomos buscar diamantes a preços de pedras;

Não fomos buscar diamantes a preços de diamantes;

Não fomos buscar pedras a preços de pedras;

Fomos, sim, buscar pedras a preços de diamantes!