sábado, 29 de setembro de 2012

Andebol: perder e ganhar

O Belenenses perdeu hoje por 30-32 com o Benfica, em jogo da 4ª jornada do Campeonato Nacional de Andebol.
É o que fica para as contas. As vitórias morais não se podem contabilizar; no entanto, podemos hoje ter ganho (reconquistado) uma equipa e a mística que nos é característica.
Com efeito, o Belenenses discutiu o jogo de forma magnífica e o benfica tremeu, tendo aliás havido a habitual mãozinha da arbitragem. Já todos contamos com isso.
Depois de um início equilibrado, o benfica, com uma primeira mão dos apitadores, embalou para 2-6 e temeu-se uma derrota pesada.Mas logo o Belém reagiu e manteve sempre o adversário à vista. Com 2 jogadores azuis excluídos, os lampiões chegaram a 11-16mas o Belenenses ainda dominou para 13-16 até ao intervalo.
A nossa equipa começou bem a 2ª parte, e chegou ao empate a 21-21. Foi então que a dupla de arbitragem voltou a intervir... Acresce uma certa falta de sorte (várias bolas ao poste nessa altura) e, também, a categoria técnica dos jogadores de encarnados (que eu sou acérrimo mas não sou cegueta).
Enfim, faltou-nos pouco,incluindo uma maior presença de público activo. Já nem com o benfica, bolas?! Mas, pelo exposto, fiquei mais optimista com futuro desta equipa. O próximo jogo, em Braga, é difícil, quer pela qualidade da equipa adversária, quer por ser uma das habitualmente beneficiadas pela arbitragem; seja como for, entretanto, e mais jogo menos jogo, iremos encarreirar em vitórias.
Alguns destaques.O nosso GR de Hoje (Vasco Ribeiro ausente) João Moniz, tem 17 anos: idade de juvenil. Fez um jogo de adulto.Bela atitude e um grande futuro pela frente. Elledy Semedo marcou 15 golos. Palavras para quê? Tiago Miranda impressionou-nos muito bem. Tiago Fonseca foi o guerreiro de sempre (não, não, guerreiros não é made in Braga, era o nick name da nossa equipa de Basqueboljá há uns bons anos). Pedro Delgado está em ascensão; é pena que não lhe chegue mais jogo à ponta, opção que não entendemos. Belone Moreira continua lesionado. É um dos esteios da equipa. Que falta que nos faz nestas condições.

(A foto é do célebre campeonato que o Belenenses conquistou no pavilhão da Luz, deixando sem uso os carregamentos de champagne encomendados pela lampionagem).