domingo, 18 de agosto de 2013

SÓ PODEMOS MELHORAR

Belenenses, 0 - Rio Ave, 3. O resultado não sofre discussão e dificilmente o nosso regresso podia ter sido mais aquém do desejado.
A minha previsão para este jogo era um empate. Achava improvável vencermos - as frases ligeiras (de quem tem uma ligação ligeirinha) tipo "eu acredito" e "vamos ganhar" não me dizem nada. E admitia perder. Mas não me passou pela cabeça perder por 3-0. Muito menos quase sem réplica.
Mas não vou dizer mal da equipa ou dos jogadores. Fizeram o que podiam. Simplesmente foi (muito) pouco. Em sua defesa, há que referir que sofrer um golo logo aos 5m (e a seguir a criarmos bastante perigo) foi um grande soco no estômago.
A partir dai, veio a tremideira. Ainda houve uma reacção mas perto da área havia muitos rodriguinhos (e dentro da área adversária quase nunca havia ninguém). E na 2ª parte, foi com naturalidade que o Rio Ave dilatou o marcador.
A política de contratações foi - é - bastante disparatada, na minha opinião, que repito. Basta ver a redundância de jogadores para certas posições e a carência para outras. Mas esperemos o possível. Não vou atacar a equipa. Só podemos melhorar. O pior de tudo são mesmo quase todos os adeptos. A estupidez que se ouve e vê a todos os momentos é difícil de acreditar. Sempre prontos a bajular quem nos cospe em cima, só há reacção contra quem realmente gosta do Belenenses... Estamos sujeitos a tudo e só a sorte nos pode ajudar.
Como nota positiva, a presença junto à Fúria Azul (que não esteve grande coisa), com faixa e tudo, dum elemento dos Insane Guys (Vitória de Guimarães), e logo de alguém que estimamos bastante: do melhor que conheci no mundo do futebol.
 A propósito, o V. Guimarães, com dívidas, sabe falar de outras coisas e lá está na Liga Europa  e com a Taça de Portugal no bolso. E o Sporting, o tal que estava pior que nós (dizem os que reduzem tudo a cifrões) goleou o Arouca.
 Num comentário final, deixo uma pergunta que sei que não terá resposta, pelo menos digna: quantos dos bota-acima têm a hombridade, a coragem e o belenensismo de ir a Braga?
 Notas dos jogadores (de zero a cinco):
 
Matt Jones - 1
Paulo Jorge - 0,5
João Meira - 1
João Afonso - 1
Filipe Ferreira - 1
Diakité - 1,5
Fernando Ferreira - 2
Danielson - 1,5
Tiago Silva - 1,5
Fredy - 1,5
Mamadou - 1,5
--------
Arsénio - 0,5
Miguel Rosa - 2
Deyverson - 1,5